Amigos:

24 de mar de 2013

Música Borderline

E eu tentei me apegar a um texto antigo sobre o amor e a TADLLLA me dá uma boa dose de realidade nos comments.


Nada mais real.

Nós vivemos de mentiras. Nos comerciais, aquele produto que promete tirar a mancha da tua roupa em apenas uma lavagem, é mentira. Naquele comercial que o biscoito parece ser enorme, mas quando você compra é menor que a roda do carrinho do teu primo. Nos filmes, sempre tem um final feliz, todo mundo sai ganhando -menos o vilão- todo mundo sempre fica feliz. Em desenhos, nos anúncios da internet. Você mente pra si mesmo, finge que no dia seguinte vai melhorar o seu jeito, que vai parar de ser besta e que não vai acreditar em mais nada. Mas é mentira, você sabe que amanhã estará exatamente do mesmo jeito. Com as mesmas esperanças e ilusões, com os mesmos medos. Vai continuar a mesma pessoa, literalmente. Mente pra você e pras pessoas ao teu redor. Vive afundada nas mentiras e ilusões, coleciona suas mentiras em um vidrinho na prateleira de cima do computador. Todo mundo é feito de mentiras, tem aquela menina que o cabelo é de mentira, aquele menino que os músculos são de mentira, aquela que os peitos são de mentira e aquele que é bonito de mentira. Se você achar alguém que não tenha nenhuma mentirinha, pode dar uma coroa pra essa pessoa. Porque mentiras são como um modo de venda, você mente pra vender teu produto, mente pra se salvar de alguma coisa que não queria fazer. Mente porque não queria levar a culpa de um vaso que quebrou. Você pode mentir pra se salvar, mas nunca pra machucar alguém.”— Aquela tem o peito de mentira, o outro tem os músculos de mentira e você felicidade de mentira.



Tradução:
Telas vazias, folhas de argila intactas
Espalhadas na minha frente como o corpo dela um dia esteve
Todos os cinco horizontes girando em torno de sua alma
Como a Terra ao redor do Sol
Agora o ar que experimentei e respirei mudou de repente

E o que ensinei a ela era tudo
Sei, ela me deu tudo que ela tinha
E agora minhas mãos ásperas tremem sob as nuvens
O que foi tudo isso?
Todas as imagens tornarem-se pretas, tatuando tudo
Saio para passear
Sou cercado por crianças brincando
Posso sentir suas risadas, então porque não ligo

E pensamentos confusos invadem minha cabeça
Estou girando, oh, estou girando
Como pode o Sol se por tão rápido?
E agora minhas mãos machucadas seguram com cuidado os vidros quebrados
O que foi tudo isso?

Todas as imagens tornaram-se pretas, tatuando tudo
Todo o amor tornou-se mal, transformou meu mundo em escuridão
Tatuando tudo que vejo, tudo o que sou, tudo o que serei

Sei que algum dia você terá uma vida maravilhosa, sei que você será uma estrela
No céu de outra pessoa, mas por que, por que, por que
Não pode ser, não pode ser no meu?

Minha música oficial para dias de depressão.



7 comentários:

  1. Olá!
    Naty
    essa é a sua música? Gostei...
    Bem...há sentimentos, emoções, reações extremas dentro das pessoas que nunca são expostas, principalmente numa sociedade confusa como a nossa. A convivência e à observação atenta pode até decifrar as verdades e as mentiras de cada um... Não sei.
    Seu texto mostra a realidade nua e crua, a realidade que ninguém quer ver. Todos os males de uma sociedade em uma grande teia de acontecimentos. A essência de tudo: o que está por trás de tudo. Por outro lado ,se nós deixamos enganar, e, também, não abrimos mão de esperar que a verdade se fortalecesse após um outro olhar , temos que encarar o erro, e isso significa também que participamos disso, e ainda que qualquer história tenha dois ou mais lados, quando nos sentirmos enganados não podemos nos colocar somente na posição de vítima e sim, devemos continuar da experiência para frente...de preferência com mais cuidado e pés no chão...
    Meu carinho
    Obrigado
    Bom domingo
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oiii...

    A mentira não é para agredir o outro, mas para esconder as suas partes mais frágeis.Não concordo que tudo seja uma mentira e achei muito pessimista.É possível ser feliz com verdades, mas não precisa ser um conto de fadas que é uma mentira.A vida real já diz que é uma realidade e o problema é que estamos o tempo todo criando fugas para não admitirmos dizendo que é uma mentira.O biscoito vc compra sabendo que é pequeno, mas espera um tamanho maior.Isso é um exemplo.Esperamos demais das pessoas e consequencia disso são as mentiras.O medo de ser quem somos e de admitirmos nossos defeitos para aceitarmos o do outro.
    Bjooo :*

    ResponderExcluir
  3. Olá Naty!!
    Comerciais e muitos anúncios...claro que existe muita mentira, para vender e se promover, mas cabe a nós aceitar ou não!!
    Não sou o tipo de pessoa que anda conforme a mídia, gosto de ser feliz com o que tenho e compro o que acho interessante.
    De repente o biscoito é pequeno, mas se for saboroso vale a pena!!
    Procuro ver o lado bom de tudo, porque senão iremos nos tornar pessoas pessimistas, por isso faço minhas escolhas!!
    Uma linda semana para você!!
    Bjss

    ResponderExcluir
  4. Você mente pra si mesmo, finge que no dia seguinte vai melhorar o seu jeito, que vai parar de ser besta e que não vai acreditar em mais nada. Mas é mentira, você sabe que amanhã estará exatamente do mesmo jeito. Com as mesmas esperanças e ilusões, com os mesmos medos. Vai continuar a mesma pessoa, literalmente. Mente pra você e pras pessoas ao teu redor.

    Naty Naty, na concordo com essa parte do texto.. acho que estamos em constante evolucao, e vamos nos aprimorando, ganhando conheciemento, experiencias boas e ruins, aprendemos com elas - enta nao ficamos nunca estagnados... tipo tem dias que vc vai se sentir assim como descrito acima, pq vc, todos nos temos uma doenca que eu chamo de doenna da alma, mas ainda assim nao deixamos de evoluir e crescer, a cada dia que sobrevivemos e passamos por nossas dificuldades sem desistir (pq eu sei qe as vezes da vontade)...

    adoro a musica

    ResponderExcluir
  5. E até quando você vai querer viver sua vida de mentira? Você pode ser uma verdade dentro de você mesma. Ser sincera consigo mesma. E sobre a felicidade, essa é uma conquista. E depende muito do que é ser feliz. Eu penso que ser feliz para mim é me sentir bem comigo mesma. Cada pessoa tem uma constituição sobre o que é ser feliz. Desculpe, se fui sincera. Mas, eu sou mais ainda..só que tentei pegar mais leve. Eu costumo falar a verdade real. Porque sei que é essa que livra a pessoa de uma ilusão. Porque viver é sim correr riscos. Mas tem riscos bons e riscos não tão bons, depende da sua visão consigo mesma em achar que viver é mentira. Eu penso que viver é uma verdade quando nos ajudamos a encarar nosso eu e saber que podemos resistir, somos fortes. E nada disso é uma mentira quando enxergamos e resistimos a algumas dores, e amadurecemos assim e crescemos podendo nos olhar de uma maneira mais real.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Somos iguaais até p comentar kkkk vai cagar kkkkkkkkkk eu to quietinha esses dias pq to ariscaHAHAHA sou sincera tb p dar opinião.Ser felizé muito relativo msm e depende do que vc se contém.A nossa tendência é nunca estarmos satisfeitos e querermos a felicidade plena ou a vendida.Existe?Não!Pois é!Nem os ricos são felizes ao extremo.

      Excluir
  6. Calma. Tá? Calma... agir com as emoções afloradas é dar um tiro no próprio pé. Não mata e ainda por cima dói pra caramba. Não faça nada que seja contra ao que você deseja para si mesma lá no fundo do seu coração e desejo (que é naturalmente a felicidade). Pense assim, numa pessoa que você gosta muito, ama, admira e tudo mais... o que você gostaria que esta pessoa fizesse por ela mesma, se tivesse passando pelo que você está passando? Então... faça o mesmo por você. Um grande abraço. Força, fé!

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito bem-vindo. Mas se você for um desocupado e quiser esculhambar, por favor faça um favor a si mesmo e poupe seu tempo e o meu, ok?

Moderei os comentários, então o que você escreveu vai ser lido por mim antes de aparecer.